Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

aluminum barrel beer

Com expressivo crescimento de março, produção industrial do setor teve aumento de 9,2% no primeiro trimestre do ano

A fabricação de bebidas alcoólicas manteve a alta pelo terceiro mês consecutivo em 2019, indicando um cenário de recuperação após quedas em 2018. A produção industrial do setor apresentou crescimento considerável em março, chegando aos 9,2% no primeiro trimestre do ano, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No acumulado dos últimos 12 meses, por sua vez, o crescimento da fabricação de bebidas alcoólicas é de 3,2%. E, em comparação a março do ano passado, a alta foi de expressivos 20,5 %.

O cenário positivo, ainda que bem menos expressivo, se manteve na indústria de bebidas em geral, com crescimento de 5% acumulado no ano, 1,4% nos últimos 12 meses e 9,9% em relação a março do ano passado. Porém, registrou queda de 1,3% na comparação a fevereiro.

Já a produção de bebidas não-alcoólicas caiu em março. A baixa foi de 1,2% na comparação com o mesmo período de 2018, sendo que a redução é de 0,5% no acumulado dos últimos 12 meses. Porém, teve alta de 0,3% no primeiro trimestre de 2019.

O movimento positivo da fabricação de bebidas alcoólicas descola o setor da indústria nacional, que encolheu em qualquer cenário analisado. A redução foi de 1,3% na comparação a fevereiro, de 6,1% em relação a março de 2018, de 2,2% em 2019 e de 0,1% nos últimos 12 meses.

“Os efeitos de longo prazo da tragédia de Brumadinho ainda se fazem sentir, com reflexos nas demais unidades extrativas do país”, avalia André Macedo, gerente da pesquisa do IBGE.

Fonte: Guia da Cerveja – 09/05/2019

guia fornecedores