Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

A AmBev anunciou em 12 de agosto que encerrou o primeiro semestre com vendas de R$ 4,5 bilhões frente a R$ 3,8 bilhões do mesmo período de 2003. O lucro bruto chegou a R$ 2,6 bilhões ante R$ 1,8 bilhão, mas o lucro líquido registrou queda de 10,6%, passando de R$ 637,4 milhões no primeiro semestre de 2003 para os atuais R$ 570,071 milhões. As operações no exterior contribuíram para 13% do lucro. O resultado só não foi pior porque no segundo trimestre o lucro líquido chegou a R$ R$ 265,1 milhões, 106% superior ao de igual período de 2003. Essa queda, segundo o diretor de Relações com Investidores da AmBev, Pedro Aidar, teve a ver com custos financeiros altos, embora a empresa tenha reduzido gastos com vendas, distribuição e logística. Além disso, houve redução de 7,3% nas vendas no segundo trimestre em comparação com o mesmo período de 2003, compensada, em parte, por reajuste de preços e venda de produtos premium, mais caros. A previsão da AmBev é a de que as vendas encerrem o ano com crescimento de 3%, apesar dessa retração. A companhia que tinha participação de mercado de 68% em junho de 2003, encerrou junho com 66,3%, fatia melhor que a de 63,2% em dezembro.

Fonte: O Estado de São Paulo - Economia

guia fornecedores