Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

A AmBev vai implantar em Joinville (SC) seu segundo pólo de produção de insumos do país, semelhante ao que opera em Manaus (AM). A planta fornecerá materiais como rótulos, tampas metálicas e embalagens para as indústrias de bebidas do grupo nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e poderá atender às unidades instaladas nos demais países da América Latina.

O empreendimento foi confirmado pelo co-presidente do conselho de administração da AmBev, Vitorio de Marchi, e pelo diretor de relações corporativas, Milton Seligman, ao governador de Santa Catarina, Luiz Henrique da Silveira.

O pólo foi enquadrado no Prodec, o programa de incentivos fiscais do governo estadual que permite adiar por até dez anos o recolhimento de no máximo 75% do ICMS gerado por um novo investimento. O estoque é pago em até dez anos, com juros anuais de 12%. Conforme o diretor de relações corporativas, o projeto deve ser concluído em 12 meses. O prazo necessário para a construção do pólo, porém, será menor, disse o executivo. A empresa já dispõe de um terreno de 1 milhão de m2 em Joinville, comprado pela Antarctica antes da fusão com a Brahma. O valor do investimento no novo pólo não está definido, mas o projeto prevê aportes da própria AmBev e de fornecedores que se instalarão na área, a exemplo do que já ocorre em Manaus. Segundo Seligman, em setembro a empresa também passou a utilizar o porto catarinense de São Francisco do Sul para importação de matérias-primas como malte e cevada.

Fonte: Valor Econômico - Empresas

guia fornecedores