Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

A AmBev deve ganhar um reforço extra à sua geração operacional de caixa com a aliança com a belga Interbrew. Ao absorver os ativos da cervejaria canadense Labatt, a empresa deverá adicionar mais US$ 700 milhões, totalizando cerca de US$ 1,8 bilhão ao seu caixa, sem levar em conta os ganhos de sinergias que a empresa espera colher. O acordo de acionistas entre as famílias brasileiras e belgas na InterbrewAmBev impede a venda de ações por 20 anos, segundo o diretor-geral da AmBev, Carlos Brito. Embora tenham vendido suas ações na AmBev, os investidores brasileiros terão assentos no conselho de administração da companhia como acionistas da Interbrew. "Isso significa que 75% do poder de veto da AmBev estará nas mãos de brasileiros", diz.

Fonte: Jornal Valor Econômico

guia fornecedores