Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

Companhia usa a marca Skol Beats para criar bebida feita a partir de malte

RIO - A Ambev está levando sua principal marca de cerveja, a Skol, líder de consumo no país, para categorias além da cerveja. Trata-se da Skol Beats, que foi relançada e passou a ser feita com ingredientes a base de malte, levemente adocicado, com teor alcoólico de 7,9% (a cerveja pilsen, em geral, tem entre 4,5% e 5%) e com sabores variados, como limão, frutas e sabores cítricos. O nome dessa categoria é near bear, pois a bebida é feita a partir de malte. 

Segundo Paula Lindemberg, vice-presidente de Marketing da Ambev, a ideia da bebida é atender a um público que não se identifica com o amargor da cerveja. Nos últimos seis meses foram mais de 500 mil hectolitros vendidos da marca. 

- A ideia é levar a cerveja para outras categorias. É uma bebida com frutas a base de malte. Temos hoje três versões e vamos lançar uma caixa com as três opções juntas - disse Paula.

Segundo a companhia, a empresa ganhou quase 20 pontos percentuais de preferência entre o público jovem. Assim, o produto ostenta a curva de crescimento mais rápida da companhia. Com a venda focada em grandes redes de supermercado (ex: Grupo Pão de Açúcar), a empresa detectou que o lançamento trouxe mais consumidores para a empresa: 35% dos consumidores de Skol Beats não consumiam bebidas alcoólicas da Ambev.

Apesar de o preço do produto ser cerca de 180% maior que uma bebida regular, como a Skol, a executiva diz que o segmento de bebidas premium não deixa de crescer.

Fonte: O GLOBO - 12/12/2016

guia fornecedores