Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

Primeiro classificado das provas eliminatórias, o sommelier desbancou dois brasileiros, dois alemães e um suíço na final e celebrou a vitória "em casa" no Eataly São Paulo.

Simonmattia Riva é o mais novo melhor sommelier de cerveja do mundo. Fato que comprova que o mercado italiano de cervejas especiais também vive excelente fase e recebe esta coroação no IV Campeonato Mundial de Sommelier de Cerveja que teve em 2015 sua primeira realização no Brasil.

Os alemães Frank Lucas e Irina Zimmermann (única mulher na disputa) ficaram respectivamente em 2º e 3º lugar. Dois brasileiros também fizeram bonito e chegaram à final: Rodrigo Sawamura (em 4º lugar) e André Soares Rodrigues (5º lugar) que dividiu o posto com o suíço Roger Brügger.

O evento reuniu 48 sommeliers que representaram 10 nações (Brasil, Alemanha. Áustria, Suíça, Itália, Chile, Estados Unidos, Porto Rico, Venezuela e Argentina). As provas classificatórias ocorreram na Academia Barbante de Cerveja, a prova final foi no palco do Degusta Beer & Food e o anúncio do vencedor foi realizado em um jantar fechado para convidados no restaurante Brace – no Eataly São Paulo.

“A vitória de um italiano representa ainda mais importância para a competição. Afinal, o mercado italiano de cervejas especiais também cresce muito a cada ano – a exemplo do brasileiro - e é muito bacana que a cultura cervejeira ganhe mais essa grande representação. Ainda mais em um mercado tão famoso pela produção de vinhos e que começa a figurar com esse destaque também no segmento cervejeiro”, destaca Joyce Oliveira, gerente educacional da Academia Barbante de Cerveja (representante de Doemens em SP e BH).

Simonmattia Riva passou pela prova prática de identificação de estilos de cerveja, um teste teórico de múltipla escolha e um teste prático de off-flavors. E na grande final o italiano contou também com um pouco de sorte por ter tido a oportunidade de escolher a cerveja italiana Birra Baladin Nora em sua apresentação. O resultado não poderia ser outro. A Itália no topo do mundo cervejeiro e o jantar de premiação no Eataly São Paulo com um sabor ainda mais especial para a delegação italiana.

O sommelier de cervejas no mundo

O sommelier de cerveja deixou de ser uma profissão desconhecida. Ao lado dos clássicos sommeliers de vinho, este já é o ramo mais forte da sommelieria e o número de profissionais tem aumentado constantemente nos últimos anos. A formação de sommeliers de cerveja, que começou em 2004 na Alemanha pela Doemens Akademie, hoje já está presente em todo o mundo.

Os embaixadores da sofisticada cultura das cervejas, com senso ético, profissionalismo profundo, expressivo e vivaz, atraem os consumidores às variedades e ao consumo inteligente das cervejas. Os alunos, vindos geralmente da indústria da cerveja e da gastronomia, aprendem todas as habilidades em torno da degustação e conhecimento cervejeiro em seu mais elevado nível. Isto inclui o processo de produção, os diferentes estilos, a correta seleção para harmonizações gastronômicas, a perfeita apresentação e serviço. Na gastronomia, o sommelier também cria menus, aconselha na preparação de pratos com a bebida e organiza compras e estoques. É ele também quem faz de tudo para melhorar e garantir a qualidade do serviço de chope.

Desde 2009, a classe dos sommeliers de cerveja passou a ser homenageada na forma de uma “Copa do Mundo”, organizada e realizada há cada dois anos pela Doemens Akademie. Este ano, em julho, o campeão entre os mais de 2.000 sommeliers de cerveja será definido. Os 48 sommeliers de cerveja finalistas de diferentes nações competirão no Brasil, colocando seus conhecimentos e “narizes” em teste. Os seis sommeliers que forem capazes de se classificar, chegam à final em frente a um júri de prestigio internacional para apresentar seu talento e carisma. Esta fase não é apenas sobre os pontos de experiência e conhecimento cervejeiro, mas também quanto à capacidade de apresentar uma cerveja com serenidade e alegria, mesmo podendo ser um rótulo desconhecido para o profissional. Aquele que melhor apresentar a cultura e diversidade das cervejas será coroado o vencedor e se tornará o novo sommelier campeão do mundo.

Conheça a relação dos competidores do IV CAMPEONATO MUNDIAL DE SOMMELIERS DE CERVEJAS:

- BRASIL

Alexander Moraes

André Soares Rodrigues (5º colocado)

Daniel Fregonezi Tortella

Eduardo Pelizzon

Fábio de Faria e Souza Campos

Fernando Carvalho de Almeida

Fernando Fernandes Chaves

Gil Lebre Abbade Franco

Guilherme Germano Rossi

José Augusto Procópio Pinto

Luis Celso Sniecikoski Júnior

Luiz Yamauchi Junior

Marcelo Hugo Klein

Marcelo Penteado Crosta da Costa Lima

Marcos Roberto Gonçalves

Pedro Barcellos Teixeira

Pedro Henrique Capriles Bianchi

Pedro Veronese

Rodrigo de Mello Ferreira

Rodrigo Sawamura (4º colocado)

Tegnus Franciscus Lamas

 

- ALEMANHA

Christoph Puttnies

Cornelius Faust

Frank Lucas (2º colocado)

Grote Guido

Irina Zimmermann (única mulher nesta edição!) (3ª colocada)

Julian Menner

Karl-Ludwig Rieck

Klaus Artmann

Markus Sailer

Max Spielmann

 

- ÁUSTRIA

Clemens Kainradl

Felix Schiffner

Josef C. Sigl

Markus Thaller

Markus Reitlinger

 

- SUÍÇA

Marcel Alber

Raimar Schramm

Roger Brügger (5o colocado)

 

- CHILE

Armin Schmid

 

- ITALIA

Andrea Rocca

Gilberto Acciaio

Simonmattia Riva (campeão)

Stefan Grauvogl

 

- ESTADOS UNIDOS

Donald G. Lindsay

 

- PORTO RICO

Franceschi George

 

- VENEZUELA

Carlos Ruiz

 

- ARGENTINA

Martin Boan

 

Fonte: Notícia Expressa – 24.07.2015

guia fornecedores