Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

cerveja cervejaria malteca niteroi rio de janeiro

Cervejaria Malteca iniciou a cerca de dois meses suas operações em Niterói na região metropolitana da cidade do Rio

A Cervejaria Malteca localizada na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro, entrou em operação após um ano de trabalho para sua construção resultado do investimento de um casal de sócios.

No planejamento inicial a fábrica teria iniciado sua produção em abril, porém o começo das atividades foram adiadas devido a decretação da quarentena em virtude da pandemia do novo coronavírus.

O estado do Rio de Janeiro, que recebe a nova fábrica, estava em sétimo do país em número de registros de cervejarias com 78 unidades de produção de acordo com o Anuário da Cerveja 2019 produzido pelo Ministério da Agricultura.

Com a pandemia, novos negócios como a cervejaria tem o desafio de construir público consumidor para a marca e atingir pontos de venda enfrentando novos obstáculos que anteriormente eram pouco endereçados na fase de planejamento.

Toda essa nova dinâmica tem levado a reconfiguração dos canais de distribuição do mercado de cerveja acarretando a ascensão de vendas online e maior desenvolvimento de estratégias para redes de varejo.

“O primeiro momento foi de inércia, porque ninguém sabia o que iria acontecer, como estava a evolução do vírus. Se a gente tivesse começado pelas vias normais, dificilmente iríamos pela venda de growler e delivery, tentaríamos as formas mais tradicionais, com ponto de venda. Começamos a ter contato com o cliente, entendemos suas demandas e produzimos novas cervejas”, disse Tatiana Ferreira uma das sócias da Malteca em publicação no portal UOL sobre a necessidade de repensar os canais de venda.

A Malteca iniciou suas atividades com capacidade de produção de 18 mil litros por mês e pretende atrair cervejarias que desejem terceirizar produção utilizando a infra-estrutura da fábrica, em breve receberá envasadora para garrafas e posteriormente pretende investir em latas.

 

Fonte: Catalisi – 20/08/2020

guia fornecedores