Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

vendedor tablet tecnologia 14 12 2018

A LifeApps acaba de lançar sua nova plataforma de e-commerce, denominada LifeApps E-commerce. A ferramenta, que já é utilizada pelo mercado B2C (Business to Consumer), agora passa a atender também o mercado B2B (Business to Business), em especial os atacadistas e distribuidores.

A reorganização da estratégia ocorre após um ano da aquisição da empresa pelo Grupo Máxima, que é composto por três empresas – OnNetSystems, voltada para a indústria; MáximaTech, um dos principais players de solução para o mercado atacado distribuidor; e LifeApps, que fecha o ciclo englobando o atendimento ao varejo.

A novidade da plataforma LifeApps E-commerce para os atacadistas e distribuidores tem como alvo levar a este setor mais um canal de vendas, ou seja, potencializar as atividades do RCA (Representante Comercial Autônomo) oferecendo aos seus clientes um atendimento 24 horas e com alcance a regiões que normalmente não são cobertas. “Além disso, seguindo a evolução deste setor, a mesma plataforma pode apoiar o distribuidor que decide ampliar o seu negócio abrindo um empório, por exemplo. Essa era a estratégia do Grupo Máxima quando decidiu nos adquirir”, explica Rafael Martins, CEO da LifeApps.

Segundo Martins, os diferenciais da LifeApps na estratégia B2B envolvem desde a tecnologia aplicada, que é configurada de acordo com as especificidades dos atacadistas distribuidores, o que envolve adequação às regras fiscais definidas no ERP (Enterprise Resource Planning) da empresa, assim como a diferenciação dos níveis de preços, impostos e formas de pagamento, sem contar a questão do custo do projeto. “Atualmente, apenas as empresas de desenvolvimento de software têm atendido esse mercado e os valores praticados por eles chegam a custar mais de 80% do custo fornecido pela LifeApps”, explica o executivo.

Já o mercado B2C, que tradicionalmente vinha sendo atendido pela LifeApps, a proposta é alavancar a venda tanto da plataforma de e-commerce no modelo whitelabel, que é a loja própria, quanto da sua solução de marketplace. Nesta última opção, denominada SuperOn, o varejista se conecta ao ambiente virtual, que já está pronto para a venda de produtos. Trata-se de uma opção indicada para aqueles que estão iniciando sua jornada para o meio digital. Neste caso, a LifeApps ainda disponibiliza um time de especialistas para apoiar nas melhorias desejadas pelo cliente.

“Basta o estabelecimento escolher em que tipo de loja quer entrar entre as opções, como supermercados, empórios, adegas, papelaria, cosméticos, casa de carnes, farmácias ou material de construção, e o seu negócio já estará operando num ambiente digital para os consumidores, que poderão definir suas compras por tipo de produto e região”, concluiu Martins.

Fonte: Portal Newtrade - 23/05/2019

guia fornecedores