Acessar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *
Captcha *

Nunca é demais repetir que gerar, organizar e manter em segurança as informações de uma empresa é fundamental para a continuidade dos negócios.

Quase toda média e grande empresa, hoje em dia, tem um departamento de tecnologia da informação (TI). Mas é comum encontrar companhias em que as atividades dessa divisão não correspondem ao nome, sendo apenas um setor onde um arsenal de computadores opera em conjunto ou não.

Há que se ressaltar, primeiramente, a grande diferença entre dados e informação. Esse é um ponto que faz toda diferença nos negócios, inclusive.

Quando sua empresa dispõe de vários computadores e de profissionais que geram dados regularmente, essa é uma situação. Sendo assim, o pessoal da área comercial gera dado, o departamento de supervisão gera dados, bem como o de recursos humanos, os de compras... Enfim, até a diretoria geram dados.

Mas, para que a empresa possa se mantiver competitiva e cumprir seu plano de negócios de modo a estabelecer e realizar estratégias de crescimento é preciso que o conjunto desses dados gere informação. Isso é quase impossível quando não se tem a cultura de organizar e mantiver as informações geradas em segurança, a fim de dispor desse conteúdo sempre que for necessário analisar ou redirecionar os rumos dos negócios.

Quantas empresas não perdem dias e dias para recuperar informações que estavam em poder de um profissional que se desligou? Em muitos casos, principalmente quando não se conta com pessoas de boa formação e ética nos negócios, o profissional leva consigo todas as informações-chave sobre diversos clientes, abrindo um verdadeiro ‘rombo’ na carteira de clientes da empresa.

Nunca é demais repetir que gerar, organizar e manter em segurança as informações de uma empresa é fundamental para a continuidade dos negócios. Tanto é assim, que a terceirização de data centers vem crescendo a passos largos. O data center é essencialmente uma sala de computadores que permite armazenar e gerenciar seus servidores e outros equipamentos em um ambiente totalmente controlado.

Ou seja, a qualquer tempo e hora é possível ter acesso a informações decisivas para o fechamento de um acordo comercial ou mesmo levantar o histórico de um cliente que vem dando problemas. A terceirização do data center, no médio prazo, inclusive poderá representar um corte entre 20% e 70% nos custos fixos, permitindo melhor utilização de espaços físicos e maior foco nos negócios da empresa. Portanto, não deixe que dados se percam e informações sejam desperdiçadas dentro da sua empresa. Isso faz toda diferença.

Fonte: Portal Empreendedor, por Adriano Filadoro

guia fornecedores